um blog de alguem do COUÇO, para lançar ideias e suscitar debate filhodocouco@sapo.pt
Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2007
REFERENDO

Este referendo ganha, acima de tudo, pela envolvência da comunidade civil. Ganhe  SIM ou NÃO quem ganha mais é a comunidade. Nunca se falou tanto sobre o aborto. A favor ou contra todos temos informação para, conscientemente, decidir-mos o sentido do nosso Voto.

Não podemos esquercer que com este referendo não é só o Aborto que está em causa, é também a nossa democracia. Portugal está em risco se a abestenção for elevada. Uma democracia não vive sem eleitores conscientes e participantes.

Por isso a minha campanha vai pelo "Voto", embora eu seja dos que votam "NÃO" apelo  a todos que exerçam o seu direito de voto. Temo mais pela democracia do que por uma lei que mesmo sendo aprovada, em meu entender, facilmente podemos tornar desnecessária. Basta exigir dos Governos apoios dignos à familia,como um todo e, à mulher e às crianças  em particular por serem a base  da família.



publicado por filhodocouco às 18:51
link do post | comentar | favorito

3 comentários:
De Anónimo a 28 de Janeiro de 2007 às 22:21
discordo. só ganha a comunidade se o SIM ganhar. Pontos de vista...


De filhodocouco a 30 de Janeiro de 2007 às 19:44
A sociedade, pelo que se viu ontem no ´prós e contras ´, anda a discutir o assunto e a aprender ainda mais. Só por isso vale o referendo. Certo é que ninguém quer o aborto e todos querem a despenalização da mulher e isso, com alterações à actual lei é possivel.Daí mais certo estou do meu não.


De Anónimo a 1 de Fevereiro de 2007 às 11:16
Como é lógico, ninguém no seu perfeito juízo dá crédito a esse show televisivo que refere. Se o não ganhar quem ganha é o aborto clandestino e a falta de condições humanitárias para aquelas que, em consciência e pesando muito bem aquilo que só a elas diz respeito, recorrem ao aborto. Se o não ganhar ganham aqueles que acham que as Mulheres não são de confiança. Se o não ganhar ganham aqueles que querem manter asmulheres presas durante três anos por abortarem. Se o não ganhar ganha a ignorância. Se o não ganhar uma minoria retrógada impõe o seu sistema moral à Mulher portuguesa. Como vê também eu estou certo da minha posição. Eu e, felizmente, a maioria da população portuguesa. E já agora também concordo consigo. É estapafúrdio que se venha fazer um referendo sobre este asunto. Os deputados em assembleia podiam perfeitamente, e uma vez que 2/3 deles concordam com a despenalizaçãp da IVG, ter feito passar a Lei que discriminaliza a Mulher que aborta até às 10 semanas. Mas não... tinham de nos fazer perder tempo, tinham de gastar o dinheiro do país com este festival e tinham de dar tempo de antena a tipos vestidos de sotaina a vociferar contra as Mulheres e a sua capacidade de decisão. É preciso lata!!!


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

COUÇO EM LUTA _ PONTE DE...

ALMOÇO DE REFORMADOS E PE...

APELO DA COMISSAO DE UTEN...

REUNIAO PUBLICA DA COMISS...

COMUNICADO DO MIC SOBRE O...

RECORDAÇÃO DOS SAGRADOS ...

CONCELHO DE CORUCHE PREPA...

UM PEQUENO GRANDE CICLIST...

JUNTA PAGA DIVIDA DOS ÁGU...

FALECEU OLÍMPIA BRÁS

arquivos

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

favoritos

EU E O COUÇO

links
Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO
subscrever feeds