um blog de alguem do COUÇO, para lançar ideias e suscitar debate filhodocouco@sapo.pt
Sexta-feira, 2 de Julho de 2010
MEGA-AGRUPAMENTO ESCOLAR

Ao ler o comunicado da Junta de Freguesia tomei conhecimento do propósito do Ministério da Educação em criar um mega-agrupamento escolar com sede em Coruche.

Não partilho de algumas das inquietações da Junta de Freguesia em relação à EBI/JI do Couço fazer parte desse agrupamento. Compreendo que a junta de freguesia esteja alerta e procure o melhor para a sua população.

Não esqueço que o presidente da EBI/JI do Couço e outros com lugar na direcção fazem/ou fizeram parte do executivo da Junta. Talvez por isso este comunicado “tão preocupado”?

   Do meu ponto de vista:

 

-A escola não será fechada, nem removida do Couço pelo que, continua a servir a população do Couço. A luta pela construção da escola continua justificada;

 

-Quanto aos despedimentos não encontro razão para tal. Enquanto houver crianças as salas serão ocupadas e haverá necessidade do pessoal docente e não docente;

 

-Quanto ao desconhecimento da realidade social e económica, por parte dos novos directores, não me preocupa nem um pouco pois, existem estudos e o projecto existente é uma base de trabalho. A escolha da nova direcção terá certamente em consideração as diferentes populações alvo. 

   Temos que ter em conta que a realidade sócio-económica do Couço não é diferente das outras freguesias do Concelho.

    Devo lembrar escola foi dirigida, no seu início, por uma pessoa estranha ao Couço e venceu as dificuldades.

 

- A Junta alega que estará mais dificultada a relação entre as diversas entidades e a Escola, que será necessária mais e maior formalidade. As formalidades deverão ser as de sempre. A Facilitação e o facilitismo não devem ser a regra. Todas as entidades devem viver num espírito de cordialidade e de entre-ajuda.

 

- Quanto à situação de a escola se distanciar do meio onde se insere eu não acredito.

Os projectos educativos modernos privilegiam a interacção entre a sociedade e a escola.

 

Alguns professores já demonstraram que estão incomodados e que a sua “vontade” não é a mesma. Dizem que serão os alunos os prejudicados por eles estarem “menos dispostos”.Todos sabemos que quando não estamos bem dispostos  isso se recente nas nossas actividades. Mas o Professor tem o dever ultimo de leccionar e preparar alunos. Neste caso o seu posto de trabalho continua, as suas crianças continuam apenas  muda o corpo directivo.  Maior instabilidade é quando não está efectivo numa escola e salta de estabelecimento em estabelecimento.

 

Com o Agrupamento, penso que , apenas os corpos dirigentes da escola serão afectados.

Não deve de ser fácil ver um projecto que foi aprovado e mandatado para 4 anos ser cortado a meio. Temos que ter em conta que estes directores são professores por formação e que os seus lugares na docência estão assegurados.

Quem sabe se os directores não serão integrados na direcção do Agrupamento?

 

Recordo também que a nossa escola só lecciona até ao 9º ano de escolaridade e que as crianças terão que frequentar outro estabelecimento de ensino para completar a escolaridade obrigatória. O facto desta escola ficar integrada com Secundária de Coruche é uma mais valia. Talvez se esbata a diferença e as dificuldades que as crianças encontram sejam menores.

 

Realmente a diminuição dos conselhos directivos é uma medida economicista. No entanto acredito que as direcções dos agrupamentos serão dotadas de meios darão conta do recado.

Em meu entender a criação do mega-agrupamento não prejudicará os alunos e, em alguns pontos, pode ser até benéfica



publicado por filhodocouco às 09:51
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De Jose a 6 de Julho de 2010 às 19:38
Tenho acompanhado todo o processo da fusão de escola para megagrupamentos e na verdade penso que actualmente, tendo em conta todos os condicionalismos económicos do nosso país era inevitável.
Concordo? não, pelo timing, pela forma, pelo desrespeito pelos projectos em curso, mas...neste momento era inevitável.
Desculpem, mas fico estupefacto quando o Sr. Director da EBI/JI do Couço, vem dizer, "Desculpem não concordo", quando ele foi o primeiro a dizer "sim", não me importo de ser Sub-Director do Megagrupamento, na reunião realizada na DREL, na verdade o estatuto (???) e o dinheiro ainda conta muito.
Pelo que antes de apregoarem que não estão de acordo, que vão lutar, vão lutar pelo quê? pelos subsídios para comprarem os jaguares.
Desculpem olhem-se ao espelho.
Por favor sejam comedidos,


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

COUÇO EM LUTA _ PONTE DE...

ALMOÇO DE REFORMADOS E PE...

APELO DA COMISSAO DE UTEN...

REUNIAO PUBLICA DA COMISS...

COMUNICADO DO MIC SOBRE O...

RECORDAÇÃO DOS SAGRADOS ...

CONCELHO DE CORUCHE PREPA...

UM PEQUENO GRANDE CICLIST...

JUNTA PAGA DIVIDA DOS ÁGU...

FALECEU OLÍMPIA BRÁS

arquivos

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

favoritos

EU E O COUÇO

links
Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO
subscrever feeds