um blog de alguem do COUÇO, para lançar ideias e suscitar debate filhodocouco@sapo.pt
Quarta-feira, 10 de Outubro de 2007
RAUL DURÃO

                  Quem não se lembra da cara e da voz deste vulto da televisão nacional?

Certamente que os mais novos não se lembrarão mas o pessoal apartir de 25-30 anos alguma vez o viu na televisão.

 

                  O que me leva a falar de Raul Durão  são as suas raízes neste cantinho de Portugal , o seu pai é do Couço.

                   Raul Durão era familiar de um grande expoente da nossa cultura  o poeta Américo Durão.

                  O Couço é enorme! As suas sementes encontram-se muitas vezes onde menos se espera e, felizmente,  são sementes seleccionadas, prenúncio de frutos de qualidade.

                  Ai!!! se as soubessemos colher!?



publicado por filhodocouco às 00:59
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 8 de Outubro de 2007
SER FILHO DO COUÇO

               Ser filho de uma terra como o Couço  só pode ser motivo de orgulho.

 

               Certo dia, estando eu desapontado, disse a uma pessoa que gostava do Couço mas não me identificava com as pessoas. A resposta que me deram foi de que era impossível gostar de uma terra e não das pessoas. Engoli sem responder e, já em casa, poderei longamente sobre o assunto.

               O Couço facilmente ganhou rostos:

                Em todas as ruas temos as caras enrugadas, castigadas pelo tempo e pelo trabalho e que no entanto nos dão um sorriso de bons dias.

                Nas ruas pulam e gritam os homens e mulheres  do amanhã. Os campos continuam a produzir pelas mãos das suas gentes, que embora menos continuam com toda a mestria a saber cultivar.

               Temos a várzea , fértil e generosa, temos o rio que na sua maior fúria nos enche de riqueza fertilizando as terras, nos dá peixe em abundância e nos refresca nos quentes verões

               Temos a charneca com os seus montes e lugares, berço dos nossos avós, repleta de sobro, alecrim e rosmaninho.

                 Dos nossos avós somos herdeiros do trabalho, da justiça e da liberdade. Da terra herdamos o néctar da vida, as flores, os cheiros e o livre voar  e cantar dos pássaros . 

                E do Céu  herdamos o sol e o luar.

                Porquê ter vergonha de meia dúzia ??? somos tantos e tão diferentes  que os maus  não passam de meras insignificâncias.

                 Somos o resultado de uma mistura de povos de trabalho e de causas, um caldo, muito rico, de varias culturas, Somos únicos .

                 O Couço é, foi e será o local mais bonito do mundo, pobre mas humilde, rico mas generoso.

 

 



publicado por filhodocouco às 00:50
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


posts recentes

COUÇO EM LUTA _ PONTE DE...

ALMOÇO DE REFORMADOS E PE...

APELO DA COMISSAO DE UTEN...

REUNIAO PUBLICA DA COMISS...

COMUNICADO DO MIC SOBRE O...

RECORDAÇÃO DOS SAGRADOS ...

CONCELHO DE CORUCHE PREPA...

UM PEQUENO GRANDE CICLIST...

JUNTA PAGA DIVIDA DOS ÁGU...

FALECEU OLÍMPIA BRÁS

arquivos

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

favoritos

EU E O COUÇO

links
Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO
subscrever feeds